O desenvolvimento das inteligências múltiplas por meio da música e dos esportes


Quem é mais inteligente? Stephen Hawking, Leonardo Messi ou os músicos dos Beattles?


Gardner estudou e propôs a teoria da inteligências múltiplas, demonstrando que o ser humano precisa desenvolver todas as facetas de sua inteligência.


Inteligência é “a capacidade de resolver problemas ou fazer coisas importantes”.


Você certamente já viu, num jogo de futebol um jogador que está à direita do campo, lançar a bola para um jogador que está correndo à esquerda do campo, de forma que a bola e o jogador cheguem juntos, no mesmo instante, no mesmo lugar? Percebe que há uma inteligência do jogador que lança a bola e do jogador que a recebe?


Na música, você já viu uma orquestra de 80 instrumentos tocarem as notas, rápidas ou lentas, precisamente no mesmo milésimo de segundo? E olha que uns instrumentos são de sopro, outros de cordas friccionadas, outros de percussão... Mais que isso, já percebeu como todos os músicos conseguem fazer crescendos e decrescendos, fortes e pianos, notas diferentes ou iguais, mas precisamente afinadas e em perfeita harmonia?


Pois é, inteligência musical é uma inteligência específica, que precisa ser desenvolvida, buscando-se a excelência artística!


Essas ideias você pode encontrar no e-Book Música e Esportes: o que é melhor para meu filho? E para mim? Se você ainda não tem o e-Book, poderá baixar clicando aqui.


Trabalhar a inteligência com música e com esportes é necessário para a completa formação do ser humano.


Como você estimula o desenvolvimento das inteligências em seu filho ou filha? E em você? Divida sua experiência!


Compartilhe suas ideias aqui neste Blog!

7 visualizações0 comentário